terça-feira, 18 de julho de 2017

Qualidade da internet será fiscalizada pelo MP-RO em Costa Marques - RO

A qualidade dos serviços de telefonia e internet na região de Costa Marques, interior de Rondônia, será avaliada nos próximos dias. A avaliação foi pedida nesta semana pelo Ministério Público Estadual (MP-RO), que diz ter recebido diversas reclamações acerca da qualidade dos serviços prestados pelas empresas que operam na região.
De acordo com o MP-RO, as queixas foram apresentadas ao órgão por meio de um abaixo-assinado por centenas de pessoas. Na última terça-feira (11), a promotora de justiça Clícia Pinto Martins instaurou inquérito civil público para apurar a ocorrência de danos aos interesses consumeristas dos moradores de Costa Marques.
O objetivo é determinar se o serviço ofertado no município atende aos níveis mínimos exigidos, bem como os motivos que levam à existência de áreas com cobertura de telefonia móvel sem sinal ou com sinal deficiente e, ainda, a razão de quedas frequentes de ligações telefônicas na região.
A promotora de justiça, em nota à imprensa, ressaltou que as concessionárias e permissionárias de serviços públicos têm o dever de prestar serviços públicos de forma adequada, eficaz e contínua, principalmente, em se tratando de fornecimento e distribuição de serviços de telecomunicações.

quarta-feira, 16 de novembro de 2016

Ações Integradas das polícias na BR-429, reforça o policiamento em Costa Marques

Ações Integradas das polícias na BR-429 no combate ao crime organizado especializado em roubo a veículos no Estado de Rondônia, reforça o policiamento em Costa Marques


Uma quadrilha especializada em roubos de veículos que vem agindo na maioria das vezes no grande eixo da BR, de onde são subtraídos os respectivos veículos e transportada pela BR-429 conhecida “BR do pó” até a Bolívia para serem negociados por armas e drogas. 
As vitimas dessas ações criminosas na maioria das vezes sofrem violência e são mantidas em cárcere privado ate que o grupo obtenha êxito em seu objetivo. As ações são coordenadas de dentro das unidades prisionais através de Whatsapp enviadas por lideres que mesmo dentro de uma carceragem dominam o mundo do crime. 
Com a prisão de quatro integrantes do bando que estavam escondidos na Bolívia, a polícia obteve a informação que grupos armados invadiriam o quartel e a delegacia em Costa Marques como represália devido às três últimas apreensões de veículos e dois confrontos que os bandidos atentaram contra os agentes de segurança, onde vários bandidos ficaram feridos e estariam na Bolívia. Assim o Comando da Polícia Militar reforçou o policiamento juntamente com os Policias Civis e Polícia Rodoviária Federal e Polícia Federal na cidade de Costa Marques e em toda BR 429. 
Ações como essas são comum, pelo fato de estarmos em uma área de fronteira onde a facilidade de transições ilícitas e por isso que os órgãos de segurança da BR 429 vêm trabalhando na prevenção e repressão de modo planejado e inteligente. 
Com uma polícia reforçada e atuante, a BR 429 destacada por diversas apreensões de veículos roubados, armas e drogas. Devendo lembrar que os órgãos de justiça, Ministério Público e Judiciário foram prestativos e tempestivos nas suas competências.

Fonte: Rota Comando

sexta-feira, 11 de novembro de 2016

Bolivianos ameaçam atacar delegacia e policiais pedem socorro

Diante da fragilidade na segurança pública nas Regiões de fronteiras, déficit de agentes para conter o alto índice de criminalidade e as péssimas condições das estruturas prediais, bandidos bolivianos, aproximadamente cinquenta, estariam planejando um ataque, nos próximos dias, a Delegacia de Polícia do município de Costa Marques (RO) e ao Quartel da PM.

As informações foram colhidas, após duas bolivianas terem sido presas. Elas teriam dito aos policiais que, criminosos do seu País estão próximos de realizar esse ataque em represaria aos agentes de segurança. Diante da ameaça foi emitido, na noite de ontem (09/11), via rádio o código J9 (pedido de socorro).
Nos grupos de whatsapp das policiais civil e militar, um policial escreveu: “Estamos aquartelados aqui, a determinação é pra não sair pra rua. Na última troca de tiros eles estavam só com a tal da .30 dentro da chata”. Um outro policial diz: “A PRF está saindo de Jaru, descendo para 429 nesse momento”.
Nossa equipe ligou na Delegacia de Polícia de Costa Marques (RO), porém o policial disse que no momento não poderia fornecer maiores informações sobre o assunto.
Fonte: Comjustica.com

segunda-feira, 22 de agosto de 2016

quarta-feira, 22 de junho de 2016

Pastor evangélico morre vítima de disparo acidental de arma de fogo em Costa Marques.

Na manhã desta quarta-feira (22), um pastor de uma igreja evangélica por nome Fábio Montel, morreu ao dar entrada no hospital municipal de Costa Marques vítima de um disparo acidental de arma de fogo. O tiro acertou o abdome do religioso que não resistiu ao ferimento.
Segundo informações, o pastor Fabio Montel tinha 39 anos, casado pai de três filhos, e pertencia a Igreja Templo da Fé de Costa Marques.








FONTE: CORREIO DO VALE

quinta-feira, 16 de junho de 2016

COSTA MARQUES 35 ANOS: UMA SÍNTESE DE CHIANCA À CHICO TERRITÓRIO









Conhecer a nossa história é viver nossa memória! Usa-se o chavão de que o brasileiro não tem memória. E o costamarquense tem? Talvez esteja faltando quem a conte, ou, talvez, quem a busque, quem a leia ou a escute! No dia 16 de junho de 2016, o município de Costa Marques que num momento de inspiração ímpar o poeta Antônio Cândido da Silva decantou como o lugar onde Deus reuniu as belezas do mundo, completa 35 anos de emancipação política e administrativa.







A Oeste do estado de Rondônia, fazendo fronteira com a república da Bolívia Lat. 12¤ 26’ 42”, Lon 64¤ 13’ 38”, 140m acima do nível do mar, situado numa área de transição entre Floresta Amazônica, Pantanal e Cerrado, na região Madeira-Mamoré, está o município de Costa Marques. Aqui 16 mil pessoas vivem como bons cidadãos devem viver, cumprindo seus deveres e exigindo seus direitos. COSTAMARQUENSES, parabéns pelos 35 anos de emancipação. Vamos conhecer um pouco de sua história?







COMO FERTILIZOU.
Não fui tão amigo de Luiz Ehrich de Menezes, mas o conheci bem e, várias vezes, por admirar sua inteligência e sapiência, conversamos e dele absorvi informações que ajudaram a internalizar em mim eterno amor por este lugar. Para eu sair daqui é uma questão de tempo, o tempo de o Guaporé secar e a Serra que circunda este paraíso mudar.
Do cabedal do citado e saudoso pioneiro, suscito reminiscência ao dizer que a origem de Costa Marques remonta o século XVIII, com o então pequeno vilarejo de Santa Fé localizado a 7 km de Costa Marques, formado por um pequeno grupo de escravos fugitivos que trabalharam na construção do Forte Príncipe da Beira entre 1776 a 1783. Convém ressaltar que os governos coloniais preocupados com a extração do ouro e com a guarda fronteiriça, trouxeram para a nossa região consideráveis contingentes de negros para trabalhar em construções públicas como o Forte Príncipe e a cidade de Vila Bela de Santíssima Trindade, a primeira capital de Mato Grosso.
No século XIX os governos coloniais empobrecidos pela escassez do metal preciso, abandonaram a região deixando para trás seus escravos, os quais se reordenaram em diversos espaços como Pedras Negras, Santo Antônio, Santa Fé, Forte Príncipe e Comunidade de Jesus, mantendo a cultura de suas matrizes quilombolas como Quariterê, Mutuca, Joaquim Teles e Piolho. Tradando-se de Santa Fé, como disse, a comunidade foi formada pela junção de trabalhadores negros fugitivos da construção do Forte Príncipe da Beira que se agregaram a uma empresa peruana que comercializava o látex. Com isso, Santa Fé passa a ser um vilarejo, ponto de encontro de caucheiros.
FRANCISCO CHIANCA FECUNDA O EMBRIÃO
Em 1900 o látex tem notoriedade no mundo. O Vale do Guaporé nessa época era um riquíssimo celeiro com seus inúmeros seringais. Em 1905, Francisco Chianca se estabelece na jusante do Rio São Domingos com o Rio Guaporé, onde hoje está localizada uma bomba injetora da Companhia de Águas e Esgotos de Rondônia - CAERD e passou a trabalhar com seus agregados ribeirinhos brasileiros e bolivianos, na extração de lenha para o abastecimento das embarcações a vapor que trafegavam pelo Rio Guaporé de Guajara-Miriam a Vila Bela de Santíssima Trindade.
No dia 20 de Janeiro de 1906, Chianca hospedou em seu tapirí, o coletor de impostos, engenheiro e ilustre político mato-grossense Manoel Esperidião da Costa Marques, dotado de singular Cultura e carisma, cativando, sobremaneira, Chianca. Contou-me Luiz Menezes que Chianca tratou Esperidião por ter este enfermado de malária. Após a partida de Esperidião, o anfitrião impressionado com a cultura do visitante trocou o nome do lugar que antes era Porto São Domingos, para Porto Costa Marques, em homenagem ao seu ilustre hóspede. Homenagem esta que levou a instituição do nome a este município. Em razão da data da chegada ao Porto, no dia 20 de Janeiro, o então Monsenhor Francisco Xavier Rey escolheu o Santo do dia, São Sebastião, como o padroeiro do lugar.


O EMBRIÃO SE DESENVOLVE
Quando da hospedagem do Senhor Manoel Esperidião da Costa Marques no tapirí de Chianca, este fez um pedido especial a Esperidião, que mandasse para cá um professor para ensinar as quase 50 crianças entre 6 a 12 anos que não estudavam. Em Santa Fé, as filhas do senhor Miguel dos Anjos - Angelina e Lídia ensinavam as crianças de lá, o que por esforços próprios conseguiram aprender. No fim de 1906, chegou ao Porto Costa Marques o professor Boaventura que ensinou neste lugar até 1924.
Com a criação da Escola do professor Boaventura, embrião da atual Escola Gomes Carneiro, a maioria das famílias de Santa Fé mudou-se para o Porto Costa Marques a fim de que seus filhos estudassem. Assim, o vilarejo dava os primeiros sinais de crescimento. A extração da goma elástica foi o chamariz de comerciantes ao Vale do Guaporé. Atraídos pelo “ouro negro” se estabeleceram em Guajará-Mirim e Costa Marques os gregos Suariadakis, Russelakis, e Demétrio Mellas; os libaneses sírios e turcos Hassib Cury, Massud Jorge, Abraham Ibanes, entre outros. Os casarões que teimosamente estão de pé à margem do Rio Guaporé testemunham esses idos momentos de prosperidade trazidos pelo látex à Costa Marques que continuou seguindo seu percurso de crescimento como distrito de Guajará-Mirim.



A CRIANÇA NASCE, CRESCE E AMADURECE
No dia 16 de junho de 1981, através da Lei Federal n¤ 6. 921, sancionada pelo então Presidente João Baptista Figueiredo, Costa Marques torna-se município emancipando-se de Guajará-Mirim. Até que houvesse eleição, já que vivíamos o período da ditadura militar, foi nomeado como prefeito tampão, o senhor Mário Jorge Duarte de Queiroz. A instalação do município se deu no dia 1¤ de fevereiro de 1983, concomitantemente com a posse dos primeiros vereadores eleitos no dia 15 de novembro de 1982. Tomaram posse os eleitos: Cristino Luís dos Santos, Luiz Ehrich de Menezes, Paulo Carrate Filho, Neuza Mendes Cortês, Francisco Justino Holanda, Raimundo Carmo de Oliveira e Ruy Rodrigues de Almeida. Ficaram na suplência: Tadeu de Souza Silva, Jovino Moura Filho, José Chaves e Rosélia Russelakis. A Mesa diretora ficou assim composta: Luiz Ehrich de Menezes - Presidente; Paulo Carrate Filho - Vice-presidente; Neuza Mendes Cortês - 1¤ Secretária e Cristiano Luís dos Santos - 2¤ Secretário.
No dia 31 de agosto de 1983 teve eleição para prefeito sendo eleito o senhor Ruy Rodrigues de Almeida que tomou posse no dia 10 de Outubro do mesmo ano. Em função da vacância no parlamento deixada pelo senhor Ruy Rodrigues de Almeida, um dos eleitos vereador da primeira legislatura que assume agora como chefe do executivo, assume na vereança o suplente Tadeu de Souza Silva e na vaga deixada pelo vereador Francisco Justino Holanda por ter sido nomeado pelo novel prefeito como Administrador Distrital, assumiu o senhor Jovino Moura Filho (PMDB), os demais eleitos e suplentes eram correligionários filiados ao PSD.
Luiz Ehrich de Menezes, Ruy Rodrigues de Almeida e Raimundo Carmo de Oliveira, in memórias. José Chaves e Tadeu de Souza Silva moram, hoje, em Guajará-Mirim; Paulo Carrate Filho, Rosélia Russelakis e Jovino Moura, moram em Porto Velho; Neuza Mendes Cortês e Francisco Justino Holanda nunca arredaram o pé deste lugar.
Estamos concluindo o 9¤ mandato e pelo executivo municipal de Costa Marques passaram os seguintes prefeitos: Ruy Rodrigues de Almeida de 1983 - 1988; Sebastião Teixeira de 1989 - 1992; Antônio Cassimiro da Silva de 1993, no terceiro ano o mandato do seu Antônio Cassimiro foi interrompido por sua renúncia e o interventor José Luiz governou até 1996; Élio Machado de Assis de 1997 - 2000; Raymundo Mesquita Muniz de 2001 - 2004; Élio Machado de Assis voltou a governar de 2005 - 2008; Jackeline Ferreira Góes de 2009 - 2012 e tomou posse no dia 1¤ de janeiro de 2013, Francisco Gonçalves Neto, o Chico Território. O Chico Território também foi vereador ininterrupto da 2¤ e 3¤ legislaturas - de 1989 a 1996 e foi Vice-prefeito de 2001 - 2004.




CONCLUSÃO
Costa Marques dista da capital Porto Velho 756 km, faz fronteira com a Bolívia e com os municípios de Guajará-Mirim, Seringueiras e São Francisco do Guaporé. O Vale do Guaporé é riquíssimo em belezas naturais. O seu corredor se estende de Porto Velho a Costa Marques e foi estabelecido como um dos polos eco turístico da Amazônia culminando com a beleza deste paraíso pela exuberância de sua fauna, flora, dunas, lagos, rios, cultura e singular espírito hospitaleiro de sua gente. O autor do hino de Costa Marques numa inspiração ímpar decantou que Costa Marques é o "LUGAR ONDE DEUS REUNIU AS BELEZAS DO MUNDO”.
Prof. Carlos Alberto (costamarquense apaixonado).

Cretidos http://www.newsrondonia.com.br

domingo, 21 de fevereiro de 2016

Costa Marques - Operação conjunta entre as policias Militar, Civil e PRF resulta na recuperação de duas motocicletas roubadas na cidade de Vilhena

Durante patrulhamento na BR 429 a guarnição do Canil de São Miguel juntamente com a guarnição da PRF de Ji-Paraná, recebeu uma denuncia anônima que havia sido roubadas duas motocicletas Bros 160 de cor vermelha, na cidade de Vilhena e que as mesma estavam sendo trazidas a cidade de costa marques para serem atravessadas para a Bolívia usando o Rio Guaporé.
Com tais informações os policiais solicitaram o apoio das guarnições Policia Civil e Policia Militar de São Francisco, Policia Militar de São Domingos e Costa Marques, onde foi realizado a barreira na estrada do Forte Príncipe de Beira  que se trata também de uma rota que é utilizado pelos criminosos para a passagem de veiculo roubados para o lado boliviano.
Na manhã do dia 19 as guarnições perceberam a aproximação de três motocicletas sendo as duas Bros 160 roubadas e uma Honda Fan 125 preta que vinha na frente sendo “batedor” que os suspeitos ao depararem com o bloqueio policial abandonaram os veículos e tentaram fugir a pé para uma região de mata fechada. As motocicletas Bros de placas NCO-9611 e NEF-6277 era produto de roubo na cidade de Vilhena e a Fan 125 de OHV-9169 estava sendo usada apena por “batedor”.   
Após varias busca no local a equipe de policias conseguiram localizar e  identificar os suspeitos, Diones Paulo Alves Cucchi, Antonio Anderson dos Santos Coutinho e Elizeu Santos Silva, informaram que iriam levar tais veículos roubados ate o km 16 da referida estrada onde encontraria um individuo que receberia as motos para atravessa-las para o lado boliviano.
Foi realizado uma  diligencia pelos policiais ate o local que havia sido combinado entre os suspeitos, onde próximo a margem do Rio Guaporé foi localizado o suspeito embrenhado na mata sendo imediatamente preso pelos policiais da operação, o suspeito foi identificado por Carlos Eduardo Salto, vulgo “canelão” sendo constatado um mandado de prisão contra o mesmo, onde todos os suspeito foram conduzidos a delegacia juntamente com os veículos roubados.
A operação conjunta foi coberta de êxito, evidenciando o grau de profissionalismo e competência dos policiais envolvidos e que demonstraram a união das instituições policiais em prol do bem estar social, sempre buscando a paz para a sociedade. Ressalta o comandante da operação Sgt PM Kovalchuk.









Proxima  → Página inicial

Divulgação

Divulgação

Publicidade

Publicidade